Guarda roupas: Restaurando móveis antigosfeatured

Olá!!

Hoje vou falar sobre restauração de móveis velhos e antigos… No mundo das Artes Manuais existe  um grande número de técnicas artesanais que permitem restaurar e renovar os móveis, reaproveitando peças antigas e velhas, principalmente os móveis de madeira que por sua natureza eram normalmente de boa qualidade e grande durabilidade.

Começando pelos meus criado-mudos que mudaram de lugar e ficaram assim:

Assim, os móveis de madeira podem ser pintados, receber técnicas como pátina e decoupage com papel ou ainda podem receber aplicações de tecido, enquanto os estofados podem ser encapados e serem renovados!

Há quase um ano atrás, antes de me casar, minha sogra trocou todo o jogo de quarto e ia jogar fora o velho guarda roupa e cômoda, todos em madeira de boa qualidade, madeira maciça, pesada!

Não deixe, é claro, e já pensei em dar uma nova cara a eles reformando-os!

E todo mundo  ajudou… Olha como eles eram ANTES:

Como as peças a restaurar eram grandes, fizemos toda a pintura na garagem e quintal la de casa… ainda bem que não choveu! E as amigas e até o filhinho ajudaram na primeira demão de tinta. Foi muito legal!

Algumas técnicas que utilizei:

Pátina

Aplicação de massa modeladora com estêncil

Pintura normal e envernização do móvel

Passo a passo básico da Pátina

Material

  • Lixa de parede — números 80 e 120
  • Tinta PVA branca e preta
  • massa modeladora (eu massa corrida, dessas de construção)
  • Verniz fosco
  • pincel e rolinho
  • moldes de estêncil e espátula

 Executando

Verifique se seu móvel está sem problemas (se estiver com cupim, desista)

Com a lixa 80, tire o resíduo de verniz antigo ou resto de tinta. Estará bom quando a medeira ficar lisinha.

Lixe sempre no sentido dos veios da madeira,  isso serve também na hora de pintar. Caso reste resíduos de tinta, não se desespere, a nova tinta cobrirá todo o móvel!

Cubra todo o móvel com uma primeira demão de tinta. Espere secar, cerca de 6 horas.

Passe a segunda demão. Espere secar.

Com a lixa 80 risque a madeira no sentido dos veios para que desgaste a tinta e apareça o fundo da madeira em alguns lugares, mas poucos, dando o efeito final de envelhecido. Eu lixei bem pouquinho porque não queria que ficasse aparecendo a cor antiga.

Posicione o molde de estêncil no local desejado e passe a massa com a espátula, preenchendo todos os buraquinhos, depois retire o excesso de massa. Em seguida pode retirar o estêncil e ver o desenho.

Eu utilizei APENAS o verniz fosco para não alterar a cor da nova tinta que passei.

Apliquei massa modeladora com uma pequena espátula.

A massa serve para deixar o detalhe em relevo. Se quiser usar o estêncil apenas com um tinta de cor diferente, dá também, só que fica reto!

Envernizei os detalhes também com verniz fosco.

Pronto! Seu móvel está transformado! Se quiser ousar mais, o céu é o limite!

Beijos e bom artesanato para todos**

3

Sobre o autor

Marcia Cunha

Contadora por formação e arteira de coração. Márcia Cunha nasceu no Paraná, começou no mundo da Blogosfera como um hobby e decidiu compartilhar suas ideias, projetos que inventa para decorar sua casa e suas receitas que testa nos finais de semana para os amigos.

DEIXE UM COMENTÁRIO